F1 2021 – GP da França – Na base da estratégia e com emoção no fim, Verstappen vence em Paul Ricard

Aconteceu, no final da manhã deste Domingo, a sétima etapa da temporada 2021 da Fórmula 1. O circuito de Paul Ricard recebeu o Grande Prêmio da França. Depois de duas provas com pistas de rua, voltamos para a disputa dentro de um circuito tradicional. O GP desse Domingo ficou marcado pela disputa na estratégia e pela emoção no final. O vencedor acabou sendo Max Verstappen, da RBR. A segunda posição terminou com Lewis Hamilton, da Mercedes e Sergio Perez, da RBR completou o pódio chegando na terceira colocação.

Na largada, o pole position Max Verstappen, da RBR, largou até bem, mas deu uma escapada estranha na curva três e Lewis Hamilton assumiu a liderança, completando assim a primeira de 53 voltas previstas. Bottas tentou passar também, mas o holandês conseguiu voltar e segurou a segunda colocação. Na volta cinco, os três primeiros já abriam boa vantagem em relação ao quarto colocado, o mexicano Sergio Perez. Verstappen buscava se aproximar de Hamilton, mas o inglês heptacampeão mundial seguia mantendo um segundo e meio de diferença. O destaque no pelotão intermediário eram os carros da McLaren. Ricciardo e Norris apresentavam bons ritmos de corrida. Enquanto isso, lá frente, Hamilton reclamava dos pneus e abria quase três segundos para Verstappen. O primeiro a parar para fazer a troca de pneus foi Charles Leclerc, na volta 17. Dos líderes, Bottas parou na volta 18. Verstappen foi para os boxes na volta seguinte. Lewis Hamilton trocou seus pneus na volta 20. E o holandês, na base do chamado undercut, conseguiu recuperar sua posição, ficando na segunda colocação, atrás de Perez, que não tinha parado. O mexicano trocou os pneus somente na volta 25. A briga era boa entre Verstappen, Hamilton e Bottas. O finlandês foi perdendo rendimento e ficando pra trás. A disputa era resumida entre Verstappen e Hamilton. Na volta 31, o holandês conseguiu dar uma respirada e abria quase dois segundos de vantagem para o inglês. Só que, na volta 32, Verstappen teve que fazer outra parada nos boxes. As Mercedes não pararam. Faltando dez voltas pro final, Bottas tentava segurar Verstappen, enquanto Hamilton tocava firme na frente. Bottas errou na volta 44 e viu a RBR do holandês assumir a segunda colocação.  Restavam seis voltas pro fim. Hamilton tinha cinco segundos de vantagem na liderança. Faltando duas voltas, Verstappen ultrapassou Hamilton e reassumia a primeira posição, conquistando assim mais uma vitória na temporada, a 13ª na carreira, abrindo assim vantagem de doze pontos no campeonato de pilotos.

A sequência da temporada continua já na próxima semana. O circo da Fórmula 1 segue em terras europeias. Agora, indo para a Áustria. O Red Bull Ring vai receber o GP da Estíria 2021. Vamos para mais um capítulo dessa briga empolgante entre Hamilton e Verstappen. Também de olho nessa disputa entre Mercedes e Red Bull. Que seja uma prova emocionante! Até lá!