F1 2021– GP da Emilia-Romagna – Verstappen faz grande largada e vence em Ímola

Na manhã deste Domingo, ocorreu a segunda prova da temporada 2021 da Fórmula 1. Em Ímola, o Autódromo Enzo e Dino Ferrari, foi palco de uma corrida bem movimentada, com direito a bandeira vermelha por conta de uma batida entre Bottas e Russell. Max Verstappen, da RBR foi o vencedor. Lewis Hamilton da Mercedes terminou em segundo e Lando Norris da McLaren completou o pódio na terceira posição.

Na largada, com chuva, o pole Lewis Hamilton não saiu bem e Max Verstappen, que veio na terceira colocação, assumiu a liderança. A pista estava muito molhada. Na volta 2, Mazepin tocou em Latifi. O canadense foi no muro e o Safety Car foi acionado. A relargada aconteceu na volta 7. O holandês da RBR permaneceu na frente. Hamilton ficou e passou a ficar na mira de Leclerc, mas a Ferrari não conseguia uma maior aproximação. Quem andava bem era a McLaren. Ricciardo e Norris faziam uma boa prova, disputando entre eles a quinta colocação. Na volta 20, a pista ainda estava úmida. Ninguém arriscava colocar compostos para o seco. O alemão Vettel então foi testar, na volta 22. E não teve bom desempenho, abanando pra tudo que era lado. Lá na frente, Verstappen teve problema para ultrapassar os retardatários e Hamilton se aproximou bastante. A pista foi começando a secar. Começaram então, de fato, as passagens nos boxes. Na volta 27, Verstappen foi trocar os pneus. Na volta seguinte, Hamilton parou. E o holandês permaneceu em primeiro lugar. Na volta 32, Hamilton estava tentando se livrar do trânsito e escapou, saindo da pista e indo na areia. Na 34, aconteceu uma pancadaça de Russell com Bottas. Por sorte, nada aconteceu com os pilotos, apenas danos materiais. Com isso, veio a bandeira vermelha e a corrida foi interrompida. O recomeço, após 25 minutos, foi com largada em movimento. Verstappen rodou antes da relargada, mas seguiu na liderança. Norris ultrapassou Leclerc e assumia a segunda colocação. Hamilton, tentando se recuperar, estava apenas na oitava posição. Na volta 42, o inglês já ocupava o quinto lugar. Enquanto Verstappen disparava na frente, a disputa ficava muito interessante entre Norris, Leclerc, Sainz e Hamilton. O heptacampeão foi escalando um por um e, na volta 60, assumia a segunda colocação. O holandês recebeu a bandeirada final na primeira posição. Mas o inglês fez a volta mais rápida e, com isso, levou o ponto que o manteve na liderança do campeonato.

A sequência da temporada continua em duas semanas. No primeiro Domingo de Maio, Portugal receberá o circo da Fórmula 1. O Autódromo Internacional do Algarve será sede do GP de Portugal. A expectativa é de que tenhamos mais uma grande corrida. O campeonato desse ano tá prometendo demais. Uma grande briga entre Hamilton e Verstappen. Que venha por aí muito mais emoção. Até lá!