F1 2020: GP do Bahrein – Em corrida marcada por grande susto, Hamilton vence pela 95ª na carreira

Aconteceu, no final da manhã/começo de tarde desse Domingo, o Grande Prêmio do Bahrein 2020 de Fórmula 1. O circuito de Sakhir foi o palco da 15ª etapa dessa temporada que consagrou Lewis Hamilton para a história. A corrida, disputada na noite do Bahrein e com luzes artificiais no circuito, foi marcada pelo acidente muito grave de Romain Grosjean da Haas, logo na primeira volta. Lewis Hamilton, da Mercedes, venceu mais uma na temporada, seguido por Max Verstappen, da RBR, na segunda colocação e Alexander Albon, também da RBR, fechando o pódio na terceira posição.

A largada foi com um grande susto. Um acidente muito grave com a Haas de Romain Grosjean, que chegou a causar um incêndio. A bandeira vermelha foi acionada logo na primeira volta. O piloto francês, felizmente, não sofreu nada de mais sério, com queimaduras leves e suspeita de fratura de costela. Depois de mais ou menos uma hora e meia de paralisação, a corrida recomeçou do zero, com uma nova largada. No recomeço, mais um safety car. Kvyat tocou em Stroll. O canadense da Racing Point capotou e o seu carro ficou de cabeça pra baixo. A relargada aconteceu na volta nove. Nada de intercorrências dessa vez. Hamilton pulou na frente, seguido por Verstappen e Perez. Bottas, que teve um pneu furado, teve que parar no box e voltou no pelotão intermediário, buscando uma corrida de recuperação. Hamilton parou na volta 20 para trocar os pneus. Verstappen foi na volta seguinte. E com estratégia diferente. A RBR colocou compostos duros no carro do holandês. Verstappen tentava acompanhar o ritmo da Mercedes de Hamilton. Mas o inglês tinha uma vantagem confortável. E assim administrou até o final, vencendo a quinta corrida seguida no ano. A 95ª na carreira. Mais uma página escrita na história nessa temporada fantástica. Detalhe que a prova acabou com safety car, por conta do abandono de Sergio Perez, na volta 54 de 57 possíveis.

Agora, já vamos nos preparar para mais uma corrida na semana que vem. A penúltima do ano. E será uma novidade. Teremos outra prova no Bahrein, mas desta vez no anel externo de Sakhir. Ainda com disputas em vista. Briga pelo vice-campeonato, por melhores posições no campeonato de construtores, por mais dinheiro na temporada seguinte… Enfim, promessa de grandes emoções. E que não tenhamos outro susto forte como nesse Domingo. Até lá!